quarta-feira, 24 de maio de 2017

PATRULHA MARIA DA PENHA É LANÇADA EM DOIS BAIRROS DE NATAL

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) lançou oficialmente, nesta quarta-feira (24), a Patrulha Maria da Penha, que visa combater a violência contra a mulher e o cumprimento de medidas protetivas.
Durante o evento, que ocorreu na sede no 4º Batalhão de Polícia militar, na zona Norte, a secretaria da Segurança do RN, Sheila Freitas, explicou que inicialmente a patrulha funcionará como projeto piloto nos bairros de Nossa Senhora da Apresentação e Mãe Luíza. “De acordo com os dados que temos, esses dois bairros são os que apresentam maiores índices de violência doméstica. Portanto, iremos começar por eles e depois ir expandindo”, destacou.
A Sesed empregará nas ações as equipes da Delegacia da Mulher (Deam) e da Companhia de Policiamento Feminino (CPFEM), e também contará com o apoio das assistentes sociais da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SPM). A titular da pasta, Flávia Lisboa, destacou a importância do trabalho conjunto para combater esse tipo de violência.
“Temos que analisar o que todas as secretarias podem fazer. Não é apenas uma questão de se proteger apenas a parte física, a parte emocional também precisa ser trabalhada. Temos total interesse de fazer parte desse trabalho, para combater esses números que são gritantes, onde apenas 11% das mulheres que sofrem violência procuram ajuda com familiares, 13% vão para as delegacias e cerca de 52% ficam caladas. Imagine quantas mulheres não estão sofrendo nesse momento, sem coragem de buscar ajuda”.
A Patrulha Maria da Pena foi criada pela Lei Nº 10.097/2016, de proposição da deputada Cristiane Dantas, que também esteve no lançamento e comemorou o início das atividades. “Através da patrulha, as mulheres que têm medidas protetivas vão se sentir mais seguras porque a presença da polícia vai inibir a aproximação do agressor”.