domingo, 14 de maio de 2017

COMPORTA DA BARRAGEM DE UMARI SERÁ PARCIALMENTE ABERTA EM MAIO


Representantes do Instituto de Gestão das Águas (Igarn), Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) e Companhia de Águas e Esgotos (Caern) representaram o Governo do Estado do Rio Grande do Norte em reunião realizada pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Apodi Mossoró, realizada em Areia Branca.

Durante a reunião, os representantes do Comitê, autoridades locais e representantes da sociedade civil apresentaram reivindicações referentes à reabertura da válvula dispersora de água da Barragem de Umari.

Durante o os últimos meses, as chuvas ocorridas na região proporcionaram que o Rio Do Carmo, normalmente perenizado pelas águas de Umari, pudesse voltar a ter fluxo naturalmente, o que fez com que, visando Gestão dos Recursos Hídricos, o Igarn fechasse a válvula que liberava água da barragem para o rio no intuito de conseguir acumular um maior volume de água no reservatório para que o manancial suporte a estiagem até o próximo inverno.

Segundo estudos dos técnicos do Igarn, a ação possibilitou um saldo positivo de, aproximadamente, 10% no volume do reservatório, mesmo com as chuvas irregulares na região.

Após as reivindicações, em comum acordo com os presentes na reunião, ficou definido que, entre os dias 14 e 19 a válvula dispersora será novamente aberta, liberando uma vazão de 200 litros por segundo para o Rio Do Carmo até o final do mês de maio, quando será realizada uma vistoria pelos órgãos competentes para verificar a situação do rio e do reservatório.

No início de junho também será realizada audiência pública e reunião extraordinária do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Apodi Mossoró, em Upanema, para definir a forma de uso e a gestão após o fim do período invernoso de 2017 visando a manutenção das águas da barragem.